domingo, 7 de julho de 2013

Nas praças da vida e do Face

Nas praças da vida e do Face
Uns são contra o ato médico, outros são a favor.
Uns são contra o estatuto do nascituro, outros são a favor.
Uns são contra a Dilma e o Lula, outros são a favor.
Uns são contra a Unasul, outros são a favor.
Uns são contra as manifestações de rua, outros são a favor.

Ser contra ou a favor é normal.
Acontece que as polêmicas se acalmam...
Com o tempo, pouco tempo
Os conflitos da vida e do Face se acalmam...
A polêmica de ontem, que prometia ser longa,
Também já se acalmou...
Depois ela volta, e de novo se acalma...
Passada a polêmica,
Agora na calma,
Pode ficar a vergonha, pelas amizades desfeitas.
Um motivo a mais para já ir vivendo na calma
A nova polêmica de hoje
Que amanhã também se acalmará.

Opinar com calma,
Pela constatação de que o debate quente de hoje
Será água morna ou fria amanhã
Na nova agenda dos fatos, polêmicos como sempre.

Desapegar-se dos valores contidos nos fatos
Para entendê-los melhor...
Regra antiga, do velho e sábio Émile Durkheim.
Regra de 1895 (As regras do método sociológico)
Regra antiga e sempre atual
Também nesses nossos dias de Face...